domingo, 31 de março de 2019

Orange Grim

   Pois bem, talvez se sinta confuso com tantas coisas sem sentido que por aqui achará. Rsrsrs Ao comparar a data desta postagem com a penúltima, observará que já faz muito tempo que por aqui não passava. Encontrará muitos escritos recheados de conflitos mal resolvidos e de erros também (sinais de uma série de imaturidades).Tudo isso fez ou ainda faz parte de mim.

   Conseguiu um milagre: Me fez parir uma publicação. 

   Divirta-se!

sábado, 3 de maio de 2014

Os Quilos Chegaram

   Olá caros leitores do Faz Parte de Mim, hoje resolvi fazer um post em defesa dos gordinhos(as), primeiro vamos começar pelo motivo que me levou a fazer isto, ultimamente, precisamente em maio de 2013 resolvi mudar completamente meus hábitos de vida, meus costumes e vícios por motivos particulares, parei de beber, coisa que fazia desde meus 16,17 anos e de fumar, fui fumante por 6 anos. Por ter deixado os maus vícios logo voltei a ficar mais caseiro, diminuí drasticamente as minhas saídas para as noitadas,voltei a ter uma alimentação mais constante, fui contemplado com alguns quilinhos que veio a somar no meu corpo. rsrsrs

                                                                   Este Sou Eu Agora:


Frente

Perfil

    Pois então, como vocês podem ver, os sinais de todas essas mudanças apareceram, porém, o fato que mais me incomoda são as atitudes mal educadas de algumas pessoas que são vítimas dos padrões de beleza determinados pela indústria da moda, que enxergam na magreza o único estilo a ser seguido e excluem todos aqueles que não são  dos seus "mundinhos", a pessoa não gostar de engordar ou não gostar de gordos é uma coisa, mas, uma pessoa chegar em outra acima do peso, e falar: Nossa Maria como você engordou! Nossa Alex você está parecendo uma baleia! Nossa João... e tantas outras observações desnecessárias é um defeito monstruoso para com outro ser humano, pior ainda é quando passam a mão na barriga da gente, como se a gente estivesse gestando a gordurinha que ali está, parece que somos as últimas pessoas do planeta que sabemos que realmente estamos ganhando peso.

Imagino eu, que na casa de todas as pessoas existem objetos parecidos com esses:


Isto mesmo gente, espelhos!

   Logo, não precisam mais falar que estamos engordando, ou que estamos gordos(as), pois, o aumento de peso, não nos impossibilitam de ver um espelho e sabermos o que está acontecendo com os nossos corpos, muito menos passem as mãos em nossas barrigas, os nossos corpos não são extensões dos seus, para ousarem a ter essa proximidade toda. Eu particularmente, estou feliz do jeito que estou, consigo ser feliz assim, e quando bem entender procurarei maneiras de perder esses quilinhos, caso não consiga e daí? Não sou obrigado a agradar ninguém, cuidem de suas vidas, que cuidarei da minha. Se uns tem a barriga grande, como eu, outros tem a língua grande, como aqueles(as) fulanos(as) desorientados(as), nojentos(as) e desocupados(as) que geralmente é beeeem pior, já que eles(as) não dão conta de cuidar de suas próprias vidinhas mais ou menos, procurem pelo menos um serviço ou algo que faça com que se esqueçam de olhar para a gente, não será esses comentários maldosos que acabarão com a minha autoestima que é alta demais para ser ferida.

Por isto, entrego para essas pessoas o troféu língua grande: 


Caso tenham esse tipo de defeito:


   Para concluir, pessoas acima do peso podem sim ser felizes e ter uma vida normal como qualquer outra pessoa, podem ser vários os fatores que levam as pessoas a engordarem, não é correto sair julgando ou criticando as pessoas por elas serem isto ou aquilo. Que sejamos felizes como realmente somos ou estamos. \o/



;)





 


terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Para Refletir...




   Os ponteiros dão voltas e mais voltas naquele relógio, o tempo vai chegando pra gente, mesmo que isto não faça parte de nossas vontades, com ele vamos adquirindo experiências e as experiências nos ensinam que quase tudo pode ser irrelevante, temos que exercer o dom da paciência, e isto é algo muito penoso para ser colocado em prática,mas, com certeza vale a pena.
   Temos a mania de dificultar tudo, de perdermos tempo com o que não merece e de valorizarmos aquilo que não tem valor. Se tem algo que tenho aprendido ultimamente é que muitas coisas podem e devem ser descartadas ao longo da caminhada, não chegaremos na reta final ao lado de todas as pessoas que conhecemos nem com tudo aquilo que vivemos, muitas coisas serão esquecidas ou até mesmo deixadas para trás, um dia o encanto acaba.
   Existe um mundo lá fora que cada vez mais exige de nós, que suga nossas forças e as nossas atenções, não sentimos mais os perfumes das flores, a maciez dos abraços que nos esquentam, a sonoridade perfeita do que é cantar com os amigos, não dizemos palavras doces e não prestamos atenção no que as pessoas tem para nos dizer, enfim, tudo está tão mecânico que em certas situações devemos e podemos nos permitir humanizar cada instante, fazer com que o calor habite os corações que estão esfriando e o pior, achamos normal viver em um mundo tão carente de bons sentimentos e de boas ações.

O Blog Faz Parte de Mim deseja um feliz natal para todos(as)!!!  :)

terça-feira, 15 de outubro de 2013

15/10 Dia do Professor

 

   Saudações internautas, eis que ressurge das cinzas as postagens em nosso Blog. Devido a correria da vida, trabalho, trabalho e mais trabalho, está sendo difícil administrar o tempo para manutenção do Faz Parte de Mim. Enfim, sem mais delongas, e pondo fim aos blá, blá, blás. Estou aqui para deixar a minha simples mensagem de apoio e de agradecimento a todos os professores que fizeram parte da minha vida e contribuíram com a minha formação, exercendo papéis importantes na construção da minha pessoa. Sabemos que suas vidas se baseiam na superação das dificuldades que estão aí para tentar impedir a prática de um bom trabalho.
   Digo aos vocês professores dessa cidade, desse estado, desse país que vocês são verdadeiros maestros e artistas, fazendo de suas façanhas para continuar ensinando e educando as nossas crianças, jovens e adultos. O que seria da nossa humanidade sem as suas existências? Diria que seríamos, pessoas envolvidas pela escuridão da falta de conhecimento, de valores e de exemplos. A valorização da profissão ainda é muito discutida, mas, o amor que temos e desenvolvemos por vocês no decorrer de nossas vidas é incondicional é crescente, triunfante. Desejo a todos a oportunidade de viverem em uma nação, onde o professor possa ter o verdadeiro reconhecimento pelas proezas realizadas.

Aproveitando a oportunidade, queria também deixar aquele apoio aos meus colegas estão na busca pela realização de um sonho. Com certeza, toda esta galera que estão aqui abaixo, amanhã serão grandes professores(as). Turma: Ciências da Religião (Universidade Aberta do Brasil/UAB -Unimontes - Polo Pedra Azul/MG)


quinta-feira, 25 de julho de 2013

25/07 Dia do Escritor

   

   O que é um escritor se não bagunça, confusão e inspiração? Escritor é tudo isto, é amor, é sentimento, organização, coração. Palavras são tantas para definir o que de certo não se define, escrever é muito bom, nos acalma nas mais diversas transformações, escrever é assumir um compromisso grandioso com aqueles que nos dão seu tempo lendo o que oferecemos com carinho e dedicação. Nas mais conflitantes e elaboradas palavras, tentamos mostrar um caminho, opinião, critica, ficção ou emoção. Parabéns aos escritores e escritoras que fazem desse ofício suas razões. Hoje é o nosso dia! \o/ ;)

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Siga!


   Quem nunca na vida se sentiu meio assim? Se não todos, a grande maioria das pessoas que conheço já se viu nesta situação frequentemente, é muito fácil calçar as sandálias e caminhar pelos caminhos errados do mundo, nos agarrar nas convicções que damos como certas quando na verdade nos proporcionam dias traiçoeiros, no meio disso tudo, as turbulências acontecem como forma de aviso, para nos alertarmos de que temos que modificar algo, perceber no que pecamos, ter coragem para abraçar as mudanças e seguir em frente.
   Tem coisas que são indispensáveis nesta fase, como por exemplo a fé em dias melhores, o apoio vindo dos céus que não nos falta e a ajuda de familiares que nos incentivam com o amor para lutarmos, mesmo que as forças estejam escassas, eles são os nossos escudos que nos protegem dos mais variados ataques e nos fornecem as cargas energéticas de que necessitamos para não nos tornamos impotentes quando tudo nos leva a crer que somos impotentes, isto, nada mais são do que armadilhas do pensamento que podem facilmente nos atirar aos abismos, não caíam nelas!
   Hoje, depois de tanto me sentir assim, incapaz, descubro aos poucos que é preciso me manter de pé, quando não for possível, mesmo que ferido, pelo menos tentando continuar, mesmo que seja arrastando. Como diz o ditado, chutar cachorro morto é fácil. Não se torne o cachorro morto, pois assim você será chutado sem pena nem piedade, muitas vezes por quem você menos imagina. Sabe esta imagem aí acima? Pois então, ainda não sei que direção seguir, mas, sei que o amor de familiares e do Deus maravilhoso que neste momento está olhando por mim ao escrever esta mensagem, me indica que logo logo marcarei um ponto no universo para o qual devo seguir.


   

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Justiça no caso Bryan!!!



Imagem do menino Bryan (5 Anos)

   Na noite desta sexta-feira (28/06/2013), assistindo mais um telejornal, coisa que faço com frequência, já não é novidade pra mim nem pra ninguém as notícias chocantes que temos acesso, mas uma matéria em particular me deixou plenamente revoltado, a morte cruel pela qual foi submetido o menino Bryan de apenas 5 anos após um assalto em sua residência, como se não bastasse o roubo que ali aconteceu que por si só já é um ato pelo qual temos repulsa, esses monstros ainda tiraram a vida desse garoto no colo de sua mãe que chorou para que eles não tirassem a vida daquela que lhe deu abrigo em seu ventre por 9 meses e pelos seguintes 5 anos cuidou, educou, protegeu e seres ... que não tenho nem palavras para me expressar de tanto nervosismo chegaram e acabaram com uma família inteira, deixaram de herança para aquelas pessoas um espaço que não será ocupado jamais.
   Bolivianos que vem tentar a vida em um país com cultura desconhecida e diferente da deles, chegam sofrem os piores abusos possíveis nas mãos de vários tipos de vermes que não oferecem nenhum tipo de estrutura adequada para que eles levem ao menos uma vida digna em terras brasileñas, são explorados por empresas ligadas a confecções de roupas que lucram com a mão de obra barata e sugam a última gota de suor daqueles que cumprem uma carga horária pesadíssima de trabalho para ganhar tão pouco.
   De vidas sofridas, tantas coisas para superar, dias passam, dias chegam e o objetivo é sobreviver e fazer das migalhas um tesouro, isto tudo já era injustamente suficiente, eles merecem assim como nós cidadãos brasileños: segurança da melhor, trabalho do melhor, educação da melhor, desejo veementemente que as autoridades de São Paulo bote as mãos nesses sujeitos, nesses bárbaros que roubaram não apenas o dinheiro, mas também LA VIDA do Bryan, esta noite o FAZ PARTE DE MIM, presta solidariedade aos familiares e amigos do Bryan. Deus esteja com vocês, Deus esteja com todos nós que também estamos sujeitos a passar por esta infelicidade. Triste! :(





Indignação por parte dos bolivianos que foram clamar por justiça. Já passou da hora do Brasil olhar para esse povo que carece de respeito e apoio


Familiares do menino Bryan, aqui deixo público o meu desejo para que tenham força e superação neste momento, Deus não se esquece de ninguém, no amor dele devemos buscar conforto!